Processos... o que são processos?


Processo é o ato de proceder, passar por algo, vivenciar de forma intrínseca, muitas vezes prazerosa, outras nem tanto.

Ao longo de nossas vidas, é fato que passaremos por muitos processos. O próprio viver é um processo, dividido por várias categorias, vários estágios e várias emoções. Se pudéssemos definir o nosso viver como um tópico, por exemplo, esses vários estágios seriam os "sub tópicos do nosso viver".

Processos são necessários e eles são um dos maiores responsáveis por quem nós somos hoje, ou ainda, por quem nos tornaremos.
Seja ele um processo bom ou ruim, sempre vai nos gerar uma certa ansiedade e uma inquietude, que por vezes passa despercebido de nós mesmos, mas reflete diretamente em nossos atos, pensamentos e decisões, o que muitas vezes, fica mais evidente a terceiros, quem está fora do caos e desordem que se passa dentro de nós.

De todas as coisas provenientes do "processo", existe apenas uma a qual devemos nos apegar e eternizar na nossa mente, no nosso coração e em nossa vida, que é, o resultado de todos esses estágios, pensamentos e emoções. Todos esses "sub tópicos do viver", o amadurecimento.

Crescer é igualmente necessário e não apenas na estatura, mas na alma, nos pensamentos, atitudes e decisões. E muitas vezes, temos a sensação de que alguns processos parecem se eternizar, justamente porque não aprendemos de uma vez por todas, a lição que ele quer nos deixar: de que devemos amadurecer, crescer e evoluir.

Processos incluem, perdas, ganhos, tristezas, alegrias, altos e baixos. Incluem desapegos e não necessariamente de algo ou de alguém, mas do nosso próprio "eu".
Nosso eu altivo, auto-suficiente e egoísta, que acha que não precisa de ninguém, nem de ajuda e que prefere se afogar sozinho em seus processos, do que dizer: "estou passando por um difícil processo, mas sozinho, ele parece ainda mais difícil, me ajuda?"

Para todas as coisas em nossa vida, há um propósito. Nossos processos são carregados de ensinamentos e se temos vivenciado alguma situação que parece um ciclo vicioso, algo que não acaba nunca e parece já não ter mais jeito, se atente ao propósito do processo: amadurecimento e aprendizado.

Seja sempre otimista e perseverante, pois seja lá qual for a razão do seu processo ou em qual categoria o seu processo se encontra, ele só quer ensinar e gerar em você uma coisa: crescimento. E que esse crescimento seja aproveitado em sua completude. Cresça em sua atitudes, pensamentos e decisões. Procure sempre evoluir, sobretudo, o seu corpo, alma e espírito para ser pleno. Pois, é disso que somos compostos e quem fez isso foi Deus!


Que venhamos honrar o que nossos processos tem a nos ensinar e assim, certamente, estaremos honrando a quem nos criou e nos permitiu passar por cada um deles!

Share:

0 comentários