Uma carta para minha mãe.


Trilha Sonora: Amanheceu - Scalene


Mãe, eu preciso voar.
Eu sou pássaro.
Mãe, eu sei que não sou a filha perfeita. E acredite, minha intenção está longe de me tornar. Perfeição é utopia. Mas por você, até que vale a pena tentar.
Mãe, eu sou o oposto do que tu és. Talvez, Deus tenha me feito o seu oposto para então, aprender a ser um pouco como você.
Mãe, esse mundo me aguarda. É inevitável. Será preciso que me solte de seus braços e confie que foi você quem me preparou para ele. Que foi você quem me deu a capacidade.
Mãe, quero que entenda que não importa o que eu faça e não importa onde eu vá, você estará sempre comigo.
Mãe não é só questão de presença. Mãe é pensamento. Mãe é coração. Mãe é oração.
Mãe, eu nunca serei o que querem que eu seja. Talvez eu nunca seja o que você espera que eu seja. Eu sempre serei eu. Apenas eu. E as vezes, ser eu mesma não agrada.
Mãe, eu irei onde você nem sempre espera que eu vá. Eu falarei o que você nem sempre quer ouvir. Eu agirei nem sempre como você quer que eu aja.
Mãe, eu sou teimosa. Eu vou teimar com você e vou discutir com você. Até porque se não fizesse isso, não seria eu. Mas eu vou te escutar.
Não só escutarei seus ensinamentos, como também os levarei e os guardarei para minha vida. Lembre-se sempre disso.
Mãe, confie em mim.
Se hoje sou alguém é porque você me deu o ar da vida e o suporte necessário para enfrentá-la. Eu sou capaz porque você me capacitou.
Mãe, se hoje eu floresço é porque tu és a minha flor.
Mãe, eu preciso e eu vou voar. A vida não se passa dentro de uma gaiola.
Eu sou pássaro.
Mas não se preocupe. Tu és meu ninho. 

Share:

0 comentários